18 de jan de 2011

Roma cria primeiro ordinariato para antigos anglicanos

Abrange Inglaterra e País de Gales e seu superior é um antigo bispo dessa confissão

CIDADE DO VATICANO, segunda-feira, 17 de janeiro de 2011 (ZENIT.org) - A Santa Sé criou, no sábado passado, o primeiro ordinariato pessoal (uma espécie de diocese sem território definido) para antigos anglicanos da Inglaterra e do País de Gales que decidiram abraçar a plena comunhão com Roma.

O Ordinariato foi erigido pela Congregação vaticana para a Doutrina da Fé, no mesmo dia em que, na catedral de Westminster, um arcebispo católico da capital britânica, Dom Vincent Nichols, ordenara como sacerdotes católicos três antigos bispos anglicanos.

Eles são os reverendos Andrew Burnham (bispo anglicano de Ebbsfleet, 2000-2010), John Broadhurst (bispo anglicano de Fulham, 1996-2010) e Keith Newton (bispo de Richborough 2002-2010), este último nomeado ordinário (superior) do novo Ordinariato Pessoal de Nossa Senhora de Walsingham, que tem como padroeiro o beato John Henry Newman.

O Rev. Newton, de 58 anos, nascido em Liverpool, casado e com três filhos, foi recebido com sua esposa na comunhão com a Igreja Católica, na catedral de Westminster, no último dia 1º de janeiro.

________________________________________

O Ordinariato é, sem dúvida, uma graça de Cristo que quer restaurar a unidade de Sua Igreja. É resultado do trabalho ecumênico desenvolvido pela Santa Sé. Mas não podemos esquecer que o Ordinariato foi criado para acolher os numerosos ministros e fiéis anglicanos descontentes com os caminhos liberais que a Comunhão Anglicana trilhou nos últimos anos, ordenando mulheres e homossexuais assumidos ao sacerdócio e ao episcopado e vendo uma parte dos pastores anglicanos favoráveis a práticas imorais, tais como o aborto, os métodos contraconceptivos e o divórcio. Roguemos a Deus, pela intercessão de Nossa Senhora de Walsingham e do beato John Henry Newman, que este primeiro Ordinariato na Inglaterra e País de Gales seja o início da união plena de todos os anglicanos com Roma.


Nenhum comentário:

Postar um comentário